24 fevereiro 2012

a queda dos óculos com lentes rosas

Ontem o Gustavo provou um novo sentimento. Não, não foi um sentimento bom. Aliás foram vários.

Ao chegar em casa não encontramos sua mochila. Ao retornar ao carro para dar uma última conferida vimos que o porta malas estava arrombado e roubaram apenas a mochila dele. A partir daí foi um turbilhão de raiva, (des)apego, injustiça e consolos.

- Por que existe ladrão, mãe?
- O que eles vão fazer com a minha mochila? Aquelas coisas eram minhas, eles não tem o que fazer com elas!
- Por que tem gente que rouba, mãe? Por que?
- Ainda bem que não roubaram minha irmã! Se não ....*#%¨#*   (OI?) 
- Eu vou repetir de ano! Como vou pra escola sem mochila?Sem caderno? Sem estojo? Ahhhhhh! Todas as coisas que eram minhas?

isso tudo no meio de lágrimas....


Foi difícil, minha gente. O jeito foi dar colo, mostrar que estamos aqui, que vamos passar por isso juntos. Expliquei que nós optamos por não roubar, que trabalhamos para conseguir nossas coisas e que por isso compraremos novamente os materiais. Mas o mais difícil foi ver como ele estava se sentindo injustiçado, descobrindo que o mundo não é tão belo quanto parecia! Que um ladrão rouba, ninguém vê e nada acontece.

No fim, fizemos um inventário de tudo o que tinha na mochila e vamos providenciar novamente suas coisas perdidas.

Seguimos em frente tentando deixar filhos melhores pra esse mundo de meu Deus e arrumamos os óculos novamente em nosso rosto para continuarmos vendo tudo cor de rosa.

7 comentários:

  1. olá

    obrigada pela visita no blog!!!

    protetor que derrete esmalte...nunca viu? quase todos fazem isso. uma loucura... repelente tbm. afe...
    mas tá tudo bem, eu só precisava desabafar um pouco.

    sobre dormir... aí varia... tem noites que fico com ele na cama dele, tem noites que parece que o ambiente fica poluído com o medo do pesadelo e eu arrasto ele pra minha cama.

    bjocas

    ResponderExcluir
  2. Que me tirem tudo, menos meus oculos com lentes rosas!
    E, bola pra frente!
    Te abraço.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não consigo imaginar minha vida sem os meus! ainda bem que tem pra todo mundo, é só saber usar!

      bjos

      Excluir
  3. Senti a dor dele daqui =( Infelizmente temos que passar esse tipo de educaçnao aos nossos filhos, pq mais cedo ou mais tarde eles verão com os próprios olhos que a realidade não é tão cor de rosa. Já tive que ensinar meus filhos de como sair da cadeirinha do carro em caso de assalto, etc... fizemos até treinamento. É duro, mas preciso.

    Bjão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ai Mari, é um mal necessário né? Aos pouquinhos eles vão descobrindo as cores da realidade, não tem jeito.

      beijos

      Excluir
  4. Olá, sou nova aqui no seu cantinho, estou te sguindo e ao mesmo tempo lhe convidando para visitar meu cantinho.

    www.tarcianeamorim.com.br

    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Nossa, partiu coracäo qdo li a reacäo do seu filhote... :-( Tudo na infância é mais intenso, né?! Vim te visitar pq estava lendo num outro blog um comentário seu q vc estava lendo (na época "Mulheres q correm como lobos". Livro q minha psicóloga me indicou pra ler... E já chorei com um comentário q vc escreveu sobre os predadores dentro de nós, q nos diminuem e nos fazem desacreditar na nossa capacidade... Parece papo de bêbado, né?! rsrs Enfim. Bora botar nossos óculos rosa q a vida fica MUITO melhor mesmo!
    Beijooooo

    ResponderExcluir